A Ciência recomenda que você não passe mais do que 12 segundos fazendo cocô

0
479

Segundo um estudo feito por cientistas do Instituto de Tecnologia da Geórgia (EUA), e publicado pelo periódico Soft Matter, o prazo razoável que devemos gastar no banheiro fazendo cocô é de apenas 12 segundos.

Basicamente, este é o tempo que a maioria dos mamíferos costuma levar para evacuar, independentemente do tamanho. Com informações da Super Interessante. Contudo, essa duração estipulada seria mais importante se ainda estivéssemos vivendo de forma selvagem, considerando que evacuar rapidamente é uma forma de estratégia evolutiva, já que o cheiro pode atrair predadores.

Ao permanecer por muito tempo na tarefa, [os animais] se expõem demais, além de terem mais risco de serem descobertos”, disse uma das autoras do estudo, Patricia Yang, à New Scientist. O estudo considerou registros em vídeo de 34 espécies em momento de evacuação. Entre elas, elefantes, javalis e pandas do zoológico de Atlanta, na Geórgia, bem como vídeos disponíveis no YouTube.

Ao analisar as imagens, os pesquisadores verificaram a existência de padrões curiosos, como o fato de o tamanho de cada um dos pedaços de fezes corresponderem a cerca de cinco vezes o diâmetro do reto do animal. Ainda, e tão interessante quanto, eles verificaram que a força aplicada para a liberação do cocô – independentemente do tamanho do mamífero – era igual.

Segundo Yang, para que os animais maiores consigam manter o aproveitamento dos menores, o segredo está na lubrificação do reto. A pesquisadora atribuiu essa habilidade a uma maior produção de muco oriundo das paredes do intestino grosso. Tal lubrificante natural facilita a eliminação das fezes, que são expelidas mais rapidamente, mesmo que sejam compridas e volumosas.

Contudo,há de se ressaltar que, enquanto no conforto de sua casa, não tem problema em passar alguns minutinhos a mais banheiro. O problema, no entanto, é se você resolver se aliviar enquanto estiver acampando no meio de uma floresta, por exemplo.

VIAdiariodebiologia
COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.